segunda-feira, 27 de novembro de 2017

Exercícios de Literatura sobre o Quinhentismo no Brasil.

Exercícios sobre o Quinhentismo no Brasil. Acompanhe nesta postagem uma série de exercícios sobre o Quinhentismo no Brasil. Questionário com perguntas e respostas sugerido para aulas do ensino médio. Confira!

Exercícios de Literatura sobre o Quinhentismo no Brasil.

Exercícios sobre o quinhentismo no Brasil.



Questões de Literatura Informativa.

1) Sobre a LITERATURA INFORMATIVA assinale a alternativa correta:
ax) É um tipo de literatura composta por documentos a respeito das condições gerais da terra conquistada, as prováveis riquezas, a paisagem física e humana, etc.
b) É um tipo de literatura composta por livros a respeito das condições gerais da terra e outros planetas.
c) É um tipo de literatura composta por documentos a respeito das condições gerais da nação e do reino, as prováveis riquezas, a paisagem física e humana, etc.
d) É um tipo de literatura composta por arte e música a respeito das condições gerais da terra conquistada, as prováveis riquezas, a paisagem física e humana, etc.

2) Assinale a alternativa correta
a)Em princípio, a visão européia é grotesca: a América surge como o terra perdida e os nativos são apresentados como criaturas exóticas.
b)Em princípio, a visão européia é romântica: a América surge como o paraíso de amor e paixão.
a) A visão européia foi idílica através dos séculos sempre vendo a América como o paraíso perdido e os nativos são apresentados sob tintas favoráveis.
dx)Em princípio, a visão européia é idílica: a América surge como o paraíso perdido e os nativos são apresentados sob tintas favoráveis.

3) Ainda sobre a visão européia  na literatura informativa, assinale a alternativa errada:
a) Na segunda metade do século XVI, os habitantes da terra são pintados como seres bárbaros e primitivos.
b) Na segunda metade do século XVI, na medida em que os índios iniciam a guerra contra os invasores, a visão transforma-se e os habitantes da terra são considerados uma ameaça.
c) Na segunda metade do século XVI, na medida em que os índios iniciam a guerra contra os invasores, a visão rósea transforma-se e os habitantes da terra são pintados como seres bárbaros e primitivos.
dx) Na segunda metade do século XVI, mesmo quando os índios iniciam a guerra contra os invasores, a visão européia ainda é idílica.

4) Não é uma característica da Carta de Pero Vaz de Caminha:
a) Descrição minuciosa da nova realidade; -- A simplicidade no narrar os acontecimentos;
b) A disposição humanista de tentar entender os nativos;
c) O ideal salvacionista.
dx) Os habitantes da terra são pintados como seres bárbaros e primitivos

5) Não é uma característica da literatura informativa
a) Relato de viajantes que viveram entre os índios vários meses.
bx) Musicalidade
c) Descrição dos costumes indígenas.
d) Registro da antropofagia


Questões sobre Literatura Jesuítica



1) São autores da literatura jesuíta:
ax) José de Anchieta & Manuel da Nóbrega
a) José de Anchieta & Padre Amaro
a) Machado de Assis & Manuel da Nóbrega
b) Carlos Drumond de Andrade & Vinícius de Moraes

2) Assinale a alternativa que caracteriza a literatura jesuítica:
ax) Obras refinadas: poemas e monólogos em latim que parecem destinados a satisfazer suas necessidades espirituais mais profundas.
b) Obras pobres: rimas e diálogos em latim que parecem destinados a satisfazer suas necessidades espirituais mais profundas
c) Obras refinadas: rimas e diálogos em português que parecem destinados a satisfazer o ego.
d) Obras pobres: rimas e diálogos em latim que parecem destinados ao ecumenismo

3) As Obras didáticas que caracterizam a literatura jesuítica possuem:
a) hinos, canções e especialmente autos, que visavam infundir o ecumenismo e diversidade religiosa nos índios.
b) poemas, prosas e especialmente artes, que visavam infundir o pensamento cristão nos índios.
c) hinos, canções e especialmente autos, que visavam infundir o pensamento racional iluminista nos índios.
dx) hinos, canções e especialmente autos, que visavam infundir o pensamento cristão nos índios.


4) Os autos, na literatura jesuítica, são:
a) Obras televisivas onde o autor tenta, por meio da novela, conciliar os valores católicos com os mitos indígenas.
b) Obras jurídicas onde o autor tenta retratar os autos dos processos judiciais.
cx) Obras teatrais onde o autor tenta conciliar os valores católicos com os mitos indígenas.
d) Obras teatrais onde o autor tenta separar os valores católicos dos mitos indígenas.

5) Na literatura jurídica não se pode afirmar que:
a) Há um confronto entre o bem e o mal.
b) O bem é defendido por santos e anjos, os quais expressam o cristianismo e subjugam o mal
c) O mal é constituído por deuses e pajés dos nativos, misturados com os demônios da tradição católica.

dx) Não há confronto entre o bem e o mal.


6. (Castro/PR 2012) O teatro no Brasil surgiu no século XVI, visando a integração dos portugueses, índios e espanhóis. A obra Auto de São Lourenço foi escrito em Tupi-Guarani, Português e Espanhol, exemplificando esse objetivo. Porém, o principal motivo do seu surgimento, segundo registros históricos, referiu-se a

necessidade de:
a) Incentivar a Corte Portuguesa a investir em teatro no Brasil.
b) Propagar a fé religiosa.
Xc) Demonstrar para os Europeus a cultura indígena.
d) Demonstrar para os indígenas a Literatura Europeia

Questões subjetivas


1) Cite um autor representante do Quinhentismo.

José de Anchieta foi um dos maiores representantes do quinhentismo no Brasil. escreveu poemas, autos, sermões cartas e hinos.

2) Em que contexto histórico se situava o Brasil durante o movimento quinhentista?
Na época de seu descobrimento pelos portugueses, durante o século XVI. Ocorreu no começo da colonização.

3) Cite algumas características deste movimento.

Literatura meramente descritiva e de pouco valor literário.
A exaltação da terra exótica e exuberante seria sua principal característica.
Uso de adjetivos, quase sempre empregados no superlativo.

4) Relacione alguns elementos do tema central quinhentista.

a conquista material, relacionada com as Grandes Navegações, e a conquista espiritual, resultante da política portuguesa da Contrarreforma e representada pela literatura jesuítica da Companhia de Jesus.

5). Exemplifique o fato de a literatura quinhentista ser considerada informativa ou literatura de informação.

A Carta de Caminha, Pero Vaz de Caminha, o escrivão da frota de Pedro Álvares Cabral, isto é, a conquista dos bens materiais e a propagação da fé cristã, como demonstram os seguintes trechos. O principal objetivo de Caminha era informar o rei de Portugal sobre as características geográficas, vegetais e sociais da nova terra.




Questões sobre Padre Anchieta

1.Quem foi Padre Anchieta e qual a sua importância para a literatura brasileira?

2. Qual era a missão de Anchieta no Brasil?

3. Padre Anchieta escrevia seus versos em três línguas diferentes. Quais eram elas?

4. Na obra de José de Anchieta, encontram-se poesias que seguem a tradição medieval e textos para teatro com clara intenção catequista. Qual era a outra preocupação de Anchieta, além de catequizar os índios?

5. O movimento de catequese influenciou seu teatro e sua poesia, resultando na melhor produção literária do Quinhentismo brasileiro. Qual o principal motivo para que Anchieta utilizar-se bastante do gênero teatral?

6. Cite pelo menos duas obras de Anchieta.

7. Qual é o título da primeira gramática contendo os fundamentos da língua tupi?

8. Assinale a alternativa incorreta.
a) Na obra de José de Anchieta, encontram-se poesias seguindo a tradição medieval e textos para teatro com clara intenção catequista.
b) A literatura informativa do Quinhentismo brasileiro empenha-se em fazer um levantamento da terra, daí ser predominantemente descritiva.
c) A literatura seiscentista reflete um dualismo: o ser humano dividido entre a matéria e o espírito, o pecado e o perdão.
d) O Conceptismo caracteriza-se pela linguagem rebuscada, culta, extravagante, enquanto o Cultismo é marcado pelo jogo de idéias, seguindo um raciocínio lógico, racionalista.


9. Anchieta só não escreveu:
a) autos religiosos, à maneira do teatro medieval
b) um dicionário ou gramática da língua tupi
c) cartas, sermões, fragmentos históricos e informações
d) poesias em latim, portugueses, espanhol e tupi
e) sonetos clássicos, à maneira de Camões, seu contemporâneo


10. (UFV) Leia a estrofe abaixo e faça o que se pede:
Dos vícios já desligados
nos pajés não crendo mais,
nem suas danças rituais,
nem seus mágicos cuidados

(Anchieta , José de. O Auto de São Lourenço [Tradução e adaptação de Walmir Ayala] Rio de Janeiro: Ediouro[s.d.] pg 110)

a) Os meninos índios representam o processo de aculturação em sua concretude mais visível, como produto final de todo um empreendimento do qual participam com igual empenho a Coroa Portuguesa e a Companhia de Jesus.
b) A presença dos meninos índios representa uma síntese perfeita e acabada daquilo que se convencionou chamar de literatura informativa.
c) Os meninos índios estão afirmados os valores de sua própria cultura, ao mencionar as danças rituais e as magias praticadas pelos pajés.
d) Os meninos índios são figuras alegóricas cuja construção como personagens atende a todos os requintes da dramaturgia renascentista.
e) Os meninos índios representam a revolta dos nativos contra a catequese trazida pelos jesuítas, de quem querem liberta-se tão logo seja possível.



Nenhum comentário:

Postar um comentário

Top
Sobre | Termos de Uso | Política de Cookies | Política de Privacidade