sexta-feira, 26 de janeiro de 2018

Exercícios de Literatura Brasileira, com Gabarito

Exercícios de literatura brasileira, com gabarito para ensino fundamental e ensino médio. 

Exercícios de Literatura Brasileira.

Exercícios de literatura brasileira com gabarito


Questões objetivas sobre Literatura


Assinale a alternativa INCORRETA.
A) Um conto é uma narrativa geralmente curta, que apresenta elementos como tempo, personagens e espaço.
B) Um poema contém elementos como versos, estrofes, ritmo e, ás vezes, rimas.
C) Um romance tradicional apresenta personagens elaborados, enredo e tempo.
D) Uma crônica literária se distingue de uma crônica jornalística por retratar temas insólitos. 

2) Na estrutura clássica do soneto encontramos
a) dois tercetos (estrofe de três versos) e dois duetos (estrofe de duas versos).
b) dois quartetos (estrofe de quatro versos) e dois tercetos (estrofe de três versos).
c) dois quartetos (estrofe de quatro versos) e dois duetos (estrofe de duas versos).
d) dois quintetos (estrofe de cinco versos) e dois tercetos (estrofe de três versos).


3) Sobre o soneto é correto afirmar que
a) Por ser clássica não é usada hoje.
b) Apesar de ser clássica não é considerada literatura.
c) Apesar de ser clássica é ainda usada até hoje.
d) Apesar de ser clássica deixou de ser usada.

4) Não é um Famoso sonetistas
a) Tancredo Neves,
b) Gregório de Matos,
c) Augusto dos Anjos,
d) Vinícius de Moraes.


5. Assinale a alaternativa.correta que indica alguns exemplos de textos literários.

a.( ) Poema, conto, fábula.
b.( ) Receita, convite, cartão.
c.( ) Desenho animado, charge.
d.( ) Jornal, quadrinho, folder de propaganda.


6. (Pref. Castro) O teatro no Brasil surgiu no século XVI, visando a integração dos portugueses, índios e espanhóis. A obra Auto de São Lourenço foi escrito em Tupi-Guarani, Português e Espanhol, exemplificando esse objetivo. Porém, o principal motivo do seu surgimento, segundo registros históricos, referiu-se a necessidade de:

a) Incentivar a Corte Portuguesa a investir em teatro no Brasil.
b) Propagar a fé religiosa.
c) Demonstrar para os Europeus a cultura indígena.
d) Demonstrar para os indígenas a Literatura Europeia.


7) (Casc.Rico.2016)  O Realismo e o Naturalismo, estilos de época contemporâneos na literatura brasileira, têm características que os aproximam e características que os distinguem.

Das opções abaixo, há uma que não é verdadeira. Isso ocorre em:
a) Os autores realistas e naturalistas preferem retratar, em suas obras, a vida contemporânea, a sua época, a retratar o passado;
b) O Naturalismo considera o homem uma máquina guiada pela ação das
leis químicas e físicas e pela hereditariedade;
c) Enquanto o Realismo tende para uma visão biológica do homem, o
Naturalismo tem uma acentuada tendência e preferência por temas da
patologia social;
d) Os personagens, tanto das obras realistas, quanto das obras naturalistas, são tipos concretos,
vivos, frutos da observação. 


8) (Casc.Rico.2016) São características do Modernismo:

I – Libertação da estética
II – Quebra com o Tradicionalismo
III – Linguagem com humor
IV - Valorização do cotidiano
Marque a alternativa correta:

a) Apenas as afirmativas, I, III e IV estão corretas;

b) Apenas as afirmativas, II, III e IV estão corretas;
c) Apenas as afirmativas, I, II e III estão corretas;
d) Todas as afirmativas estão corretas.

9) (Casc.Rico.2016) São características do Classicismo, exceto:

a) Racionalismo: a razão predomina sobre o sentimento, ou seja, a expressão dos sentimentos era controlada pela razão;
b) Universalismo: os assuntos pessoais ficaram de lado e as verdades universais (de preocupação
universal) passaram a ser privilegiadas;
c) Perfeição formal: métrica, rima, correção gramatical, tudo isso passa a ser motivo de atenção e
preocupação;
d) Nacionalismo, historicismo e medievalismo: Exaltação dos valores e os heróis nacionais, ambientando seu passado histórico, principalmente o período medieval. 


10) A Estrutura poética fixa clássica é composta de
a) 14 versos, dividido em quatro estrofes
b) 24 versos, dividido em duas estrofes
c) 14 versos, dividido em três estrofes
d) 10 versos, dividido em cinco estrofes


11 (IFMT 2012) O romance regionalista, ou romance de 30, tem Graciliano Ramos como um de seus expoentes. Qual seu tema de eleição nessa obra?
[A] A inclemência da natureza na região nordestina, impossível de ser mitigada pela ação humana.
[B] A degradação humana na zona rural, em contraponto às alternativas oferecidas pela cidade.
[C] A tragédia social relacionada ao sistema fundiário e agravada pelas condições naturais.
[D] Os ciclos da natureza e a consequente comunhão entre homens de todas as classes sociais.


12.  (IFMT 2012) Sobre o estilo de Graciliano Ramos, marque V para as afirmativas verdadeiras e F para as falsas.
( ) Construções como Os pés calosos, duros como cascos... zumbiu Sinhá Vitória... rosnou uma objeção... revelam a antropomorfização humana, bichos sem vida interior, atentos apenas aos seus instintos .
( ) O narrador utiliza-se do discurso indireto livre, uma forma que revela empatia pela personagem e seus percalços.
( ) Em E talvez esse lugar para onde iam fosse melhor que os outros onde tinham estado, a possível esperança indiciada pelo advérbio talvez é logo contida pela indicação de que essa ação já se repetira muitas outras vezes.

Assinale a sequência correta.
[A] F, V, V
[B] F, F, V
[C] V, F, F
[D] V, F, V


GABARITO

1 A
2 B
3 C
4 A
5. A
6.B
7.B
8. D
9.D
10.A
11.C
12.A


Exercícios de literatura brasileira sobre Surrealismo


1) Identifique a expressão que pode ser considerada a principal manifestação artística do surrealismo. 
A) Poesia
XB) Pintura
C) Música
D) Arquitetura

2) Com relação ao Surrealismo analise as afirmativas
I - Uma corrente mantém o caráter figurativo, mas produz formas inusitadas a partir da distorção ou justaposição de imagens conhecidas. 
II - É comum figuras que “flutuam” no quadro ou que estabelecem uma nova proporção entre objetos e pessoas. 
III - Salvador Dali é um dos expoentes do movimento. 

A) Somente o Item I está correto
B) Os itens I e II estão corretos
C) Os itens I e III estão corretos
xD) Todos os itens estão corretos


2) É um exemplo de arte surrealista a tela Magia Negra, que representa a mulher metade estátua, metade humana. Quem é o autor desta telaw 
A) René Magritte
B) Salvador Dali
C) Edvard Munch
D) Leonardo da Vinci

3) Com relação ao Surrealismo assinale a alternativa Incorreta
A) Entre os expoentes do radicalismo surrealista estão Juan Miró e Max Ernst. 
B) As telas de Juan Miró se caracterizam por composições repletas de formas coloridas construídas com linhas fluidas e curvas. 
xC) O Carnaval de Arlequim e A Cantora Melancólica são duas das principais obras de Max Ernst. 
D) Max Ernst explora a colagem de papéis variados, como gravuras antigas e revistas, para criar universos fantásticos.


4) No Brasil, há traços surrealistas em algumas obras, EXCETO:
A)Tarsila do Amaral (1886-1973), como na tela Abaporu, 
B) Ismael Nery (1900-1934), cuja tela Nu mostra uma mulher que é branca de um lado e negra do 
C)  Cícero Dias (1908-) que no início da carreira pinta Eu Vi o Mundo, Ele Começava no Recife, obra que apresenta todas as características surrealistas. 
xD) Aleijadinho um dos grandes escultores que influencia o movimento


5) Suas peças têm caráter fantástico, como o bronze O Impossível, em que bustos humanos têm lanças no lugar da cabeça. O autor com traços surrealista em questão foi?
xA) Maria Martins (1900-1973). 
B) Piet Mondrian (1872-1944
C) Ismael Nery (1900-1934)
D) Alberto Giacometti (1901-1966)


Exercícios de literatura sobre o Romance de 30


1) Sobre o período que se convencionou chamar de Romance de 30 assinale a alternativa ERRADA:
a) caracterizado pela produção ficcional brasileira de inspiração realista
b) tem como marco inicial o ano de 1928, ano de publicação de A bagaceira, de José Américo de Almeida, que inaugura o referido ciclo.
c) Em função do predomínio da temática rural, prevaleceu o conceito de romance regionalista para indicar os relatos da época.
d), tem como marco inicial o ano de 1938, ano de publicação de Vidas Secas.

2) Analise os seguintes itens e marque a alternativa CORRETA:
I - Uma das características comuns aos romances de 30 são o retrato direto da realidade em seus elementos históricos e sociais
II - Quanto à temática, os romancistas de então enfatizam as questões sociais e ideológicas.

a) somente I está correto
xb) I e II estão corretos
c) somente II está correto
d) nenhum dos itens estão corretos


3) Assinale a alternativa que não apresenta uma obra do Romance de 30
a)1928: A Bagaceira, de José Américo de Almeida, (PB)
b) 1930: O Quinze, de Rachel de Queiroz, (CE)
c) 1934: São Bernardo, de Graciliano Ramos, (AL)
xd) 1924: O Ritmo dissoluto Manuel Bandeira (RJ)

4) Assinale a alternativa que não apresenta um autor Romance de 30
a) Érico Veríssimo, (RS)
b) Jorge Amado, (BA)
xc) Salvador Dali, (BA)
d) Graciliano Ramos, (AL)

5) Sobre o regionalismo no Romance de 30 assinale a alternativa ERRADA:
a) tem escritores como o baiano Jorge Amado, o gaúcho Erico Verissimo, o paraibano José Lins do Rego e o alagoano Graciliano Ramos. 
b)o autor realista descreve sua terra e sua gente, mas não com exaltação;
c) tem como características compreensão do momento presente, das desigualdades sociais, da formação da elite etc.
xd) o autor realista descreve sua terra e sua gente ressaltando e realçando suas qualidades e com grande exaltação;



Questões de literatura sobre Padre Antônio Vieira


1) Sobre a vida de Padre Antônio Vieira assinale a alternativa errada
a) Nasceu em Lisboa
b) Estudou no colégio dos jesuítas,
c) Em 1640, prega o seu audacioso sermão Contra as armas de Holanda.
xd) Nasceu no Brasil, na Bahia indo para Lisboa quando criança

2) Os sermões de Padre Antônio Vieira se caracterizam por:
I - notável conjunto de obras-primas da oratória ocidental,
II - constituem um mundo rico e contraditório, a revelar uma inteligência voltada para as
coisas sacras e, simultaneamente, para a vida social
III - crônicas da história imediata

Quantos itens estão corretos?
a) 1
b) 2
xc) 3
d) nenhum

3) Aponte a alternativa correta sobre o Sermão da Sexagésima do Padre Antônio Vieira
I -  fulmina a linguagem rebuscada e defende a argumentação clara e harmoniosa.
II - O principal alvo de sua crítica são os pregadores cultistas, com seu artificialismo e seu gosto
exagerado pela antítese.

Assinale a alternativa correta

a) Somente a primeira afirmação está correta
xb) Estão corretas ambas as afirmativas
c) Somente a segunda afirmação está correta
c) Nenhuma das afirmativas estão corretas


Ora suposto que já somos pó e não pode deixar de ser, pois
Deus o disse; perguntar-me-eis, e com muita razão, em que
nos distinguimos os vivos dos mortos? Os mortos são pó,
nós também somos pó. Distinguimo-nos, os vivos dos
mortos, assim como se distingue o pó do pó. Os vivos são
pó levantado, os mortos são pó caído; os vivos são pó que
anda, os mortos são pó que jaz.



4) A partir da leitura do fragmento, assinale a alternativa correta que aponta a obra do Padre Antônio Vieira correspondente.
xa) Sermão de Quarta-feira de Cinzas
b) Sermão da Montanha
c) Os sertões
d) História do Futuro (1854).


9) Padre Antônio Vieira tinha sua obra do dividida em três tipos de trabalhos, exceto: 
a) Profecias, 
b) Cartas  
c) Sermões
xd) Cantigas


Questões discursivas de literatura sobre Indianismo


1) Cite três características da literatura brasileira que marca o indianismo.
elementos pitorescos (os habitantes do Novo Mundo) 
mitologia romântica européia (a teoria do bom selvagem), 
visão idealizada (os índios são falsos e, às vezes, inverossímeis)

2) Qual é a importância das referências etnográficas no Indianismo? 
deveriam conferir um tom "verdadeiro" às obras (roupagens, armas, costumes, etc.). 

3) O que pode ser considera como o principal objetivo do Indianismo na literatura brasileira? 
Elaboração de um herói mítico brasileiro, de um antepassado glorioso do qual a nação pudesse se
orgulhar.

4) Em que a literatura regional maranhense se destaca no Indianismo?

maior conhecimento da vida aborígine;
* uso épico e lírico de um índio ainda não de culturado pelo homem branco;
* esplêndido domínio estilístico, sobretudo na questão do ritmo e da estrutura melódica.

5) Quais são os principais poemas no indianismo brasileiro?
Marabá, O canto do piaga, Leito de folhas verdes e, principalmente, I-Juca Pirama.


Fonte: Wagner Lemos



Exercícios de Literatura sobre o poema Mãos Dadas de Carlos Drummond.


1. Sobre Carlos Drummond de Andrade é INCORRETO afirmar que:
a) foi um poeta e contista 
b) foi um cronista brasileiro,
c) foi um dos principais poetas da segunda geração do Modernismo brasileiro.
xd) foi um expoente romantista regionalista

2. Carlos Drummond de Andrade fundou

xa)  "A Revista", para divulgar o modernismo no Brasil.
b) "A Revista", para divulgar o romantismo no Brasil.
c) "A Hora da Verdade", para divulgar o comunismo no Brasil.
d) "A Hora da Verdade", para divulgar o modernismo no Brasil.



3. Carlos Drummond de Andrade é um dos principais representantes da Segunda Geração Modernista. A Poesia de 30. Sobre este período é INCORRETO afirmar que:
a) Estende-se, aproximadamente de 1930 a 1945, 
b) A segunda fase foi rica na produção poética e, também, na prosa. 
c) Parte dos poetas de 30 absorveram experiências de 22, como a liberdade temática, o gosto da expressão atualizada ou inventiva, o verso livre e o antiacademicismo
xd) A Poesia de 30 estende-se, aproximadamente de 1930 a 1940 e caracteriza o completo rompimento com o movimento de 22. 

4. Para Responder as questões abaixo leia o poema de Carlos Drummond de Andrade e responda:

Mãos Dadas

Não serei o poeta de um mundo caduco.
Também não cantarei o mundo futuro.
Estou preso à vida e olho meus companheiros.
Estão taciturnos mas nutrem grandes esperanças.
Entre eles, considero a enorme realidade.
O presente é tão grande, não nos afastemos.
Não nos afastemos muito, vamos de mãos dadas.
Não serei o cantor de uma mulher, de uma história,
não direi os suspiros ao anoitecer, a paisagem vista da janela,
não distribuirei entorpecentes ou cartas de suicida,
não fugirei para as ilhas nem serei raptado por serafins.


O tempo é a minha matéria, o tempo presente, os homens presentes, a vida presente.

a) Além da função poética que permeia todo o texto, que outra função da linguagem nele predomina?
Emotiva ou expressiva

b) Explique o sentido das palavras sublinhadas.
Caduco: Ultrapassado, fora de moda, etc
Raptado:Abduzido

c) No seu entendimento qual é o tema central do texto?
Livre



Exercícios sobre Carlos Drummond de Andrade
by Pixabay


5. O poema “No meio do caminho”, de Carlos Drummond de Andrade, foi publicado no início do século XX e ainda hoje causa espanto e curiosidade no leitor. 
Leia-o, atentamente, para responder.


No meio do caminho tinha uma pedra
Tinha uma pedra no meio do caminho
Tinha uma pedra
No meio do caminho tinha uma pedra.
Nunca me esquecerei desse acontecimento
Na vida de minhas retinas tão fatigadas.
Nunca me esquecerei que no meio do caminho
Tinha uma pedra
Tinha uma pedra no meio do caminho
No meio do caminho tinha uma pedra.


(Carlos Drummond de Andrade)

Sobre o poema drummondiano, é INCORRETA a alternativa
XA) A literariedade do texto é justificada pela ausência de rimas.
B) As repetições conferem ao poema uma ideia de monotonia.
C) O substantivo “pedra” pode assumir várias significações.
D) O poema apresenta certo grau de humor sobre os acontecimentos.

Com base na leitura, assinale a alternativa INCORRETA.
A) A linguagem coloquial dos versos reforça o tema do poema, que enfatiza o cotidiano.
XB) O sujeito lírico representa, no poema, sua capacidade de superar situações difíceis.
C) A repetição demonstra que o eu lírico se encontra diante de um obstáculo ou problema.
D) O uso do ver “ter” no lugar do “haver” demonstra que o eu lírico se identifica com problemas do homem comum.

Os versos abaixo são os primeiros da segunda estrofe do poema de Drummond. "Nunca me esquecerei desse acontecimento Na vida de minhas retinas tão fatigadas."

Assinale a alternativa CORRETA.
A) O substantivo “retinas” está usado em sentido contrário ao do dicionário.
B) O substantivo “acontecimento” refere-se a uma perda amorosa.
XC) Os versos identificam um sentimento de desânimo do eu poético.
D) O adjetivo “fatigadas” induz à conclusão de que há esperança para o poeta



6. Leia o Poema de Carlos Drummond de Andrade

AO DEUS KOM UNIK ASSÃO

Carlos Drummond de Andrade Eis-me prostrado a vossos peses que sendo tantos todo plural é pouco.
Deglutindo gratamente vossas fezes vai se tornando são quem era louco.
(...)
Se komuniko
que amorico
me centimultiplico
scotch no bico
paparico
rio rico
salpico
de prazer meu penico
em vosso honor, ó Deus komunikão.
Farto de komunikar
Na pequenina taba
subo ao céu em foguete
até a prima solidão
levando o som
a cor, o pavilhão da komunikânsia
interplanetária interpatetal.
(...)
Senhor! Senhor!
Quem vos salvará
de vossa própria, de vossa terríbil
estremendona
inkomunikhassão?


A respeito do poema de Drummond, analise as proposições:
  • I. Kom Unik Assão é um caso de neologismo alogenético.
  • II. No poema, a desagregação vocabular é um procedimento constitutivo de efeitos de sentido.
  • III. O poeta cria o plural inusitado “peses” a fim de rimar com “fezes”.
  • IV. As grafias inusitadas são propositais e visam ao estranhamento.
Está CORRETO o que se afirma em
A) I e II, apenas.
B) I e III, apenas.
C) II e III, apenas.
X D) II e IV, apenas.

4) Leia o texto de Carlos Drummond.
História de flor

Furtei uma flor daquele jardim. O porteiro do edifício
cochilava e eu furtei a flor.
Trouxe-a para casa e a coloquei num copo. 
Logo senti que ela não estava feliz. 
O copo destinava-se a beber, e uma flor não é para ser bebida.
Passei-a para um vaso e notei que ela me agradecia revelando melhor sua delicada composição. 
Quantas novidades há numa flor se a contemplarmos bem.
Sendo o autor do furto, eu assumia a obrigação de conservá-la. Renovei a água do vaso, mas a flor empalidecia.
Temi por sua vida. Não adiantava restituí-la ao jardim. 
Nem apelar para o médico de flores. 
Eu a furtara eu a via morrer.
Já murcha e com a cor particular da morte, peguei-a docemente e fui depositá-la no jardim onde nascera.
O porteiro estava atento e repreendeu-me:

— Que ideia a sua, de vir jogar lixo neste jardim!



Carlos Drummond de Andrade


Identifique abaixo as afirmativas verdadeiras ( V ) e as falsas ( F ) sobre o texto.

  • ( ) O autor usa nesta pequena crônica seis vezes a palavra flor. Isso pode indicar certa pobreza vocabular.
  • ( ) A repetição da palavra flor indica que o tema tratado percorre por inteiro o texto e assegura sua unidade.
  • ( ) O tema da flor se altera de tal forma que no final ela – a flor – é caraterizada como lixo.
  • ( ) Temos presente neste texto o recurso coesivo do paralelismo semântico, concretizado na repetição da palavra flor.
  • ( ) A repetição de palavras no texto pode ser um recurso textual significativo e funcional, principalmente em certos gêneros textuais, a exemplo de editoriais de jornal.

Assinale a alternativa que indica a sequência correta, de cima para baixo.
a. ( ) V • V • F • F • F
b. ( ) V • F • F • F • V
c. ( ) F • V • V • F • V
d. ( ) F • V • F • V • F
e. ( X ) F • V • F • F • V


Fonte: 

FEPESE


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Top
Sobre | Termos de Uso | Política de Cookies | Política de Privacidade